[BEDA] Morando Sozinho: Guia de Sobrevivência

agosto 04, 2017


Antes de mais, não moro sozinha e acredito que está cada vez mais difícil encontrar formas de o fazer - não que seja totalmente impossível.

1 - Saber fazer as escolhas certas
O mais importante para mim é ter noção do que pode ou não seguir em frente no que toca a compras, necessidades pessoais e finanças. Como sobreviver se nem conseguimos saber ao certo o que vamos precisar amanhã? Para isso o dia de hoje é demasiado importante para deixar assim ao abandono. Devemos ponderar os prós e contras de qualquer coisa que façamos e ainda prevenir contra eventuais imprevistos - e, acreditem, eles acontecem mais vezes que pensamos.

2 - Fazer Poupanças
Como tudo agora passa a ser financiado pelo nosso bolso, só temos duas maneiras: recebemos um salário enorme e confortável ou temos de poupar. Desde promoções ou cupões, até analisar o que queremos fazer com o dinheirinho que vamos deixando de lado. Poupar é importante especialmente pelos tais imprevistos (referidos no ponto um).

3 - Sujar e limpar, Desarrumar e arrumar
O mais importante, para manter uma cabeça livre de problemas, é pensar que o mais rápido numa limpeza por casa é mesmo tentar eliminar qualquer desperdício de tempo. Se estamos a cozinhar, podemos enquanto esperamos dar uma lavadela à loiça que se encontra na pia e até varrer o chão. Ao acabar o almoço/jantar, nada mais simples do que limpar logo tudo para os seus devidos lugares antes que se tornem em monstruosas montanhas!

4 - Equipamentos amigáveis
Primeiro, temos de saber escolher aqueles nossos amigos que gastam pouca energia e ajudam-nos imenso quando precisamos de fazer alguma coisa em casa. Aspiradores, robôs de cozinha, máquinas de lavar e secar, etc... Saber o quanto iremos pagar na conta de água e de luz é super importante para o ponto 2.

5 - Deixar os imprevistos para lá
Há sempre que encarar os imprevistos como oportunidades de melhoria e deixar para lá o leite derramado. Nem que isso seja razão para a sua casa parecer uma caverna dos tempos dos primatas. O importante, antes de mais, é que tudo o que acabei de dizer seja feito com a nossa vontade. Com ou sem esforço, devemos arranjar forma de que tudo o que seja preciso fazer se torne algo divertido - como, por exemplo, telefonar a alguém ou ouvir música enquanto faz alguma tarefa enfadonha.

Pois é, acho que me fico por aqui quanto ao manual de sobrevivência... Não tenho nada além de ideias e experiência de improvisar quando algo acontece e nos deixa 'lisas'.

Já sabem, se quiserem participar no BEDA do Blogs Up, pesquisem no facebook esse nome. Restantes temas abaixo!

BEDA




You Might Also Like

3 comentários

  1. Querida Sofia , bebendo nessa fonte inesgotável desabdoria, e, sentindo-me jovem espiritualmente comisso. Ressuscitei estar realmente voltando, sempre que possívelstarei por aqui. Amei seu guia de sobrevivência e passarei para minhas filhas...Santo de casa não faz milagres,mesmo!.

    beijos , Claudete

    ResponderEliminar

Deixa aqui o teu pedaço!

Não te esqueças de deixar o link do teu blogue, caso tenhas, para te poder visitar!

E... Não te esqueças:
embarca pela minha loucura, sê-te tempestade de emoções!

Corações

Google+ Followers

Popular Posts