[Conto] Quem sou eu?

fevereiro 04, 2016

Ele era um ser que a procurava, na esperança que surgisse dentre os flashes de luz, algures dentre os sons que ecoavam pela sua mente. A magia tornava-se difícil de ser encontrada e escondia-se dentre breves sorrisos – bastava um segundo para que aparecesse, num outro logo se evaporava.
Ele era um menino curioso, perdido dentre mil pensamentos de si. Procurava aquela magia escondida pelos seus cabelos desgrenhados e que lhe sussurrava ao ouvido: Sou-te gosto de chuva, rocha firme e parte do vento.
Esse pequeno correra, na esperança de a encontrar dentre as árvores, dentre as folhas que pareciam florescer pelas suas palavras. Por onde ela estaria? Quem seria? Eram pensamentos constantes pela sua mente incansável. Nunca a encontrara, tal como nunca perdera a esperança. Até um dia.
Grandes aventuras tornaram-se apenas passos num quotidiano onde o tique-taque do relógio torna-se vida.
Até que o tempo se vai, o sonho não existe e a magia aparece – enquanto a morte apodera-se da luz. E esse menino perde-se para sempre.

Quem sou eu? Questiona-se. Quem sou eu que perdi o rasto da magia que me falava, perdi os flashes de luz? Quiçá eu me torne parte da lua, para me tornar nova luz…

You Might Also Like

0 comentários

Deixa aqui o teu pedaço!

Não te esqueças de deixar o link do teu blogue, caso tenhas, para te poder visitar!

E... Não te esqueças:
embarca pela minha loucura, sê-te tempestade de emoções!

Corações

Google+ Followers

Popular Posts