[Blogagem Colectiva] O que eu quero levar para 2016

dezembro 16, 2015


Este foi um ano de aprendizagem. Acontecimentos que destruíram sonhos ou quebraram corações. Falsidades que se mostraram e forças que se fizeram presentes na minha vida. Cada erro, cada parte que vivi por este ano fez-me ter a certeza de que desejo ter cada vez mais coragem para enfrentar cada novo dia.

Cada dor e felicidade, cada parte de vivi por este ano quero levar como uma memória que me faz acordar para as lágrimas e sorrisos que ainda virão. Quero levar para o ano de 2016 a esperança que faltou neste ano. Desejo que a força continue e a inspiração venha como nunca antes.

Quero levar também o sofrimento, a sensação de encontrar-me perdida e encontrar-me novamente. Deixar que o chão que me sustenta seja a razão pela qual me levanto. Pois cair está-nos no sangue, tão bem como levantar. Desejo endoidecer-me novamente, como se nem soubesse mais o quão enlouquecida fui este ano.

Viver cada música, tal como vivi o novo álbum de David Fonseca, cuja inspiração será totalmente fantástica… Ouçam por vocês mesmos, já aqui:

Talvez seja assim que eu me despeça, com um Futuro Eu que quero levar deste ano. Com sorrisos e lágrimas. Mesmo as dores da alma levarei comigo, bem como as saudades plenas que se atravessam pelo coração neste mês.
Ser-se tão vivo que dói estar-se vivo, percebendo tudo aquilo que se perde por um segundo. Compreendendo que tudo o que nos rodeia se vai e só permanece vivo pelas nossas memórias.

Mas que sejamos guerreiros, que a força não seja nossa mas que nós a conquistemos. Que seja assim, e muito mais. Qual a melhor razão para se estar vivo?

Para verem as restantes blogagens, visitem o link.

You Might Also Like

1 comentários

Deixa aqui o teu pedaço!

Não te esqueças de deixar o link do teu blogue, caso tenhas, para te poder visitar!

E... Não te esqueças:
embarca pela minha loucura, sê-te tempestade de emoções!

Corações

Google+ Followers

Popular Posts