Dicionário Velho

junho 18, 2015

A felicidade é momentânea pois somos nós que a fazemos. Com o nosso egocentrismo consumista de emoções fortes tornamos a nossa felicidade num momento forte e pouco duradouro, tal como as emoções o são.
Numa sociedade cada vez mais consumista, na qual seu único desejo é sentir o poder de consumir todos os desejos designados de impossíveis. Somos felizes quando sentimos que a nossa vida ganhou um sentido que finalmente foi alcançado.
Quando deixamos esse objectivo que foi atingido, voltamos à monotonia da infelicidade do desejo… Vamos querendo mais e mais, sendo felizes, tristemente infelizes e, novamente felizes. Só nos sentimos felizes porque conseguimos ganhar a esperança que gastamos ao tentar alcançar a felicidade desejada.
Somos a ironia de um dicionário velho.

Textinho escrito por 2006

You Might Also Like

0 comentários

Deixa aqui o teu pedaço!

Não te esqueças de deixar o link do teu blogue, caso tenhas, para te poder visitar!

E... Não te esqueças:
embarca pela minha loucura, sê-te tempestade de emoções!

Corações

Google+ Followers

Popular Posts