.Poesia

[Fase 4] Nada mais... Apenas tu.

setembro 30, 2014






 Ler em Português      Read in English

Vês todas aquelas vezes que sorri?
Todas aquelas vezes que falei para ti,
Sorrindo e rindo como se duma criança,
(Descobrindo como a vida é bela!)
Sentindo o que é ser feliz...

Não é por te ter a meu lado,
Não é por te amar, pois nem doi,
Amar não é chama, não é dor!
Amar é deixar-se e não ser mais o mesmo,
E eu sou simplesmente eu em ti.
Agora sim a minha vida sorri,
Diz que não importam horas, momentos,
(Na realidade nunca importaram)
O que importa é o que sou,
O que és e o que somos...

Podia dizer-te palavras bonitas,
Mas não eram sentidas,
(Oxalá pudesse dizer-te o que me fazes!)
Não são palavras que fazem uma vida,
As vidas é que iluminam a palavra...
Preferia jamais escrever,
Não puder falar, do que perder,
Do que não saber o que é amar...

O que é amar?
Não me perguntem a mim!!!
Pois palavras de nada servem,
Sou simplesmente eu...

Mas sim, amo e quero amar,
Perder-me e encontrar-me,
Deixar que tudo se mude, se revolte...
É o amor da minha vida,
Os dois amores, os dois odores...
Não me perguntem que nada sei,
Não preciso de saber...
Apenas sentir-te, Ó Amor Meu!
Me basta...Nada mais...




.frases

[Quote] #Frases 16

setembro 29, 2014

Existem imensidades, tão grandes, tão avassaladoras que… por vezes, parece que o nosso coração viveu sempre um vazio, só se descobrindo agora… Sentindo-se tão cheio, tão lindo, tão quente, tão verdadeiro!

.Poesia

[Palavra Dada] Felicidade

setembro 25, 2014






 Ler em Português      Read in English

Fecha os teus olhos,embebe
Cada parte de ti sobre o oxigénio
Que te embala pelos tons da vida!

Sorri, deixa tudo para trás e transcreve
Aquele pedaço de ti que é um prémio
Por cada entrelinha sentida.

Deixa que o vento te faça folha de Outono,
Leva-te para longe e faz-te parte do nada.
Já viste o quão inquieto se é?
O quanto procuramos por tudo
E, ironicamente, nada temos?

Encontra-te pelas esquinas
De músicas germinadas de sentimentos!
Perde-te na procura de ti,
Sê-te oceano de emoções e abraça-te!
Sê-te profundamente loucura
E deixa-te enaltecer o que brilha nesses olhos.

A felicidade não é apenas uma utopia.
Deixa que ela seja o teu dia-a-dia!
Preenche-te de ti e perde-te a cada segundo.
Faz-te tudo e nada, infinito de ti.
Sê-te mil e uma cores... Talvez mais!

Já viste de qual cor a tua alma se pinta hoje?

Palavra dada pela minha querida Elisa. Obrigada pelo desafio. Adorei este poema, pessoalmente. Eheh
A qualquer hora, em qualquer lugar, haverão mais palavras espalhadas pelo vento!
(Para pedirem um poema, visitem o meu facebook e comentem uma postagem das #PalavrasDadas com uma palavra!)





.frases

[Quote] #Frases 15

setembro 24, 2014

Pessoas que estão pelo mundo em busca dos sorrisos dos outros,
Essas sim, também deveriam ser protegidas.
Afinal de contas, não são elas uma espécie em vias de extinção?

.Poesia

[Fase 3] Melodia do Eu

setembro 23, 2014






 Ler em Português      Read in English

São tantas as memórias,
Tantas as saudades,
Não são só lágrimas, também sorrisos
De amores, sentimentos que ficam cá dentro…

Eles não saem, não se manifestam…
Guardo-os em mim, egoísta de amores,
Sentindo-os tão intimamente, em silêncio,
Esperando que se diluem com o tempo,
Compassos de espera numa vida melodiosa,
Deixando que a melodia não toque tanto assim…

Fechando os olhos a tormentos,
Deixando que apenas toquem minhas notas,
Não havendo segundas, não havendo outro…
Não é uma melodia de duas vozes,
Que se entrelaçam durante a vida…

Apenas uma voz, apenas uma saída,
Saudades, pensamentos imortais,
Um leve som numa doce ironia.




.frases

[Quote] #Frases 14

setembro 22, 2014

Sim, eu podia sentir-te a cada momento que o meu coração pulsava. Porque, afinal, parte de mim festejava a cada novo baque a grandiosidade do nosso amor…

.Poesia

[Palavra Dada] Código

setembro 18, 2014






 Ler em Português      Read in English

Hoje senti o teu abraço
No chilrar de pássaros
Perdidos pelo dom do teu traço
Que ousou embalar-me num beijo.

À porta, breves batidas
Ecoavam a tão esperada carta,
Aquela que decifrava cada entrelinha nossa
Sobre os sorrisos que me fazias ter
Pelas horas em que te lia,
Na imensidão de nós.

Fora ontem, naquele silêncio
Que um beijo se fez
O nosso mais perfeito segredo
Das horas em que sonhamos...

Diz-me, caro poeta,
Por onde dedilham teus dedos?
De onde se fazem traçar as emoções?
Serás tu um sopro que se perde nas cores?

Talvez estejas oculto por aí,
Espalhado no que sentimos hoje.

Sentir-me-às hoje, pela hora em que te leio?

Palavra dada pela minha querida Pams. Obrigada pelo desafio.
A qualquer hora, em qualquer lugar, haverão mais palavras espalhadas pelo vento!




.frases

[Quote] #Frases 13

setembro 17, 2014

Já viste as coisas maravilhosas que nascem quando nós as fazemos com amor? Parecem muito mais do que simples botões de rosa. São pedaços da alma iluminados por sorrisos de vida!

.Poesia

[Fase 2] Sorriso

setembro 16, 2014






 Ler em Português      Read in English

Sente-se um cheiro no ar,
Um calor no rosto,
Que nos lembra o que é amar
Sem medo de um desgosto.

Sorrisos revelam felicidade,
Sorrisos que mudam vidas
Sorrisos que acalmam a saudade
E que curam feridas.

Teu sorriso é meu,
Um mar de emoções,
Meu sorriso é teu
Num mar de paixões.




.frases

[Quote] #Frases 12

setembro 15, 2014

É bom sentir a leve brisa que quer surpreender minha pele, saber que o som do vento me chama… Fechar os olhos e respirar o mundo. Fazer parte de tudo e de nada, como uma utopia eterna, efémera!

.Poesia

[Palavra Dada] Qualquer

setembro 11, 2014






 Ler em Português      Read in English

Fosse cada dedilhar meu
Maresia da loucura dos tempos.

Fosse cada respirar teu
Tempestade daqueles momentos,
Onde qualquer reticência se faz amena.

Qualquer compasso destemido
Se desfaz pelas gotas do vento,
Qualquer melodia ecoa,
Qualquer sentimento envolve.
Quantos segundos se passam
Até que qualquer coisa se torne nenhuma?

Fecha os teus olhos,
Inspira-te e qualquer parte de ti verá.
Barca que flutua pelo vazio do relógio,
Maré em que qualquer navegador flutua.

Qualquer que seja a hora,
Qualquer o sentimento.
Qualquer o momento.
Por mais que sonhes, penses, existas.
Não serás mais do que um humano qualquer.

Sina ou Fado,
Fadado ou não.
Que qualquer serás hoje?

Sente o molhar dos teus lábios,
Preenche-te de ti.

Palavra dada pelo Samu. Obrigada pelo desafio.
A qualquer hora, em qualquer lugar, haverão mais palavras espalhadas pelo vento!



.frases

[Quote] #Frases 11

setembro 10, 2014

Que mistérios se ocultam pelos olhos de quem sorri?
Respirarão os seus sentires, ao mesmo tempo que os lábios proferem palavras silenciosas?
O que escondem esses pigmentos que traçam o teu olhar?
Diz-me...

.Poesia

[Fase 1] Obstáculo

setembro 09, 2014






 Ler em Português      Read in English

Um deserto,
É isso que por vezes
Permaneço enquanto solidão…
A verdade, uma miragem
Que, por muito que caminhe,
Nunca a alcanço…
O desespero que percorre o meu rosto,
A saudade que mata meu coração
São coisas que destroem
Enquanto ser humano, enquanto pessoa.

A maldade, algo subjectivo,
Destrói o mundo que a pratica.
Este mundo se afunda na tristeza,
Uma tristeza sem dono
Pois esta, ordena…

Sei que estou neste mundo;
Mas para o ajudar
Sou o nada, embora me torne o tudo
Quando tento amar sem limites,
Sem barreiras.

Não é a ordem que ordena
E o amor que obedece…
A ordem é amor, infinitamente…




.Poesia

[Fase 5] Humanidade? Não a vi...

setembro 04, 2014






 Ler em Português      Read in English

Fosse qual fosse o respirar
Desses teus poros suspirados,
Meu ser jamais iria encontrar
Tais sentimentos misturados.
Como fechar os olhos e não acordar?
Como viver de olhos vendados?

Lágrimas de tantos dias esforçados,
Outras emoções onde divagar...
Somos humanos tão pouco humanizados
Que nos perdemos ao longo desse mar.
Para onde foram esses tempos conturbados,
Onde ser-se humano era o que estava a dar?

De que serve então a vida,
Além desses versos para rimar?
Esta louca que é tão sentida,
Sem realmente a aprofundar.
Seria assim tanta a loucura,
Ser-se tão preenchido quanto o mar?





.frases

[Quote] #Frases 9

setembro 03, 2014

São tantos os silêncios devastadores, aqueles em que nos encontramos tão vazios quanto somos, que parece irreal ser-se tão infinito por dentro.
Então... Quando te encontrarás no meio de toda a maré que te habita? Talvez essa tua fuga pelo que é dos outros, pelo barulho que desejas que te faça esquecer... Talvez tudo isso seja uma negação para o que não queres encontrar. A realidade tem as suas próprias cores. E tu nunca a consegues realmente pintar.

.frases

[Quote] #Frases 8

setembro 01, 2014

É bom sentir-te aqui, sobre o meu peito… Aqui, no silêncio, aquecendo o meu coração…

Corações

Google+ Followers

Popular Posts